Domingo, 24 de setembro de 2017, 16h02   A | A | A
Ampliando a Cidadania

“Foi muito importante os serviços de capacitação ofertados na 1ª edição da Sala da Mulher e Ação, em Livramento”, destaca prefeito.

“O Projeto foi realizado das 08 às 16 horas de sexta-feira, 22, na escola estadual José Barros Maciel e atendeu centenas de pessoas.”

Assessoria

Sala da mulher

Para o prefeito do município, Silmar de Souza Gonçalves (PSDB), a Ação de Cidadania realizada pela Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso (ALMT), em parceria com a Câmara de Vereadores e a Prefeitura, através das secretarias de Educação e Assistência Social irá fomentar algo de bom na cidade situada poucos mais de 32 km, da capital, Cuiabá.


Segundo Souza, como é popularmente conhecido na região, o município tem 12,5 mil habitantes e cerca de 70% residem na zona rural, o que dificulta o acesso aos serviços, como a emissão da carteira de identidade (Registro Geral). “É importante trazer os serviços e a capacitação, pois o ensino é muito bom para que as pessoas tenham uma nova forma de gerar emprego e renda. Acredito que políticas assim podem melhorar o país, porque o povo precisa de acesso a serviços e a emprego ou que consequentemente, gera renda”, completou.

 

Centenas de pessoas compareceram ao local onde foram ofertados serviços de terapia de constelação familiar, corte de cabelo, emissão de 1ª e 2ª via da carteira de identidade (RG) e atendimento do Procon, além de brincadeiras para a criançada e curso de técnicas de teatro, para iniciantes.

 

Diante de tudo isso, o presidente da Câmara Municipal, Airton Conceição de Arruda (PSB) agradeceu á Assembleia Legislativa, ao deputado Eduardo Botelho e à presidente de honra da Sala da Mulher Sônia Meira Botelho “por estarem sensível às necessidades da população de Livramento, principalmente pela emissão da Carteira de Identidade porque as pessoas tem dificuldade de acesso ao serviço e a maioria não tem condições de pagar”.

 

A dona de casa Raimunda Aparecida Godoy, moradora da Cohab Frei Salvador Roquette fez a identidade para três filhos menores de idade. “Gostei porque fui bem atendida, foi muito rápido e fui bem tratada, vale a pena vir, porque meus filhos precisam desse documento para a escola e para viajar”. Raimunda calcula que teria um gasto de cerca de R$ 200,00 com o serviço que recebeu hoje, isso significaria muito na sua renda da familiar de um salário mínimo. “Tô feliz ia gastar com taxi, com fotos e com a carteira, uns R$ 200 e aqui fica perto de casa e tirei as fotos e fiz RG, tô muito feliz”, concluiu.

 

O professor Eduardo Savi de Oliveira morador da Cohab Nova, também avaliou positivamente o evento. “Vim retirar a segunda via do RG e foi muito bom, dentro da expectativa”. Para o professor o projeto da Sala da Mulher “deveria ser levado para mais pessoas, porque muitos não têm o dinheiro para pagar pelo RG, e outros precisam aprender coisas novas, e os cursos oferecidos são bons”.

 

De acordo com a coordenadora da Sala da Mulher, Daniella Paula de Oliveira a meta de atender todos que chegarem ao local foi alcançada. Sem ainda ter um número de atendimentos fechado, Daniella destacou que uma grande equipe trabalhou incansavelmente para dar conta de tanta demanda. 16 servidores da Sala da Mulher e teatro, 13 do Espaço Cidadania, 1 da Segurança, 3 da Defensoria Pública e 3 do Procon. O evento contou ainda com parceiros como o Instituto Potencialize de terapia da Constelação Familiar, Salão Estilos e Cosméticos, e a artista plástica Daniela Cunha.

 

Ainda, vale destacar que a meta da Sala da Mulher da Assembleia Legislativa é estender o projeto às cidades do Vale do Rio Cuiabá. A segunda edição deverá ser em Rosário O’este em data ainda a ser definida. A região metropolitana do Vale do Rio Cuiabá é composta pelos municípios de Cuiabá, Várzea Grande, Nossa Senhora do Livramento e Santo Antônio de Leverger e seu entorno pelos municípios de Acorizal, Barão de Melgaço, Chapada dos Guimarães, Jangada, Nobres, Nova Brasilândia, Planalto da Serra, Poconé e Rosário O’este.

 

Com Ass. Imp. Sala da Mulher e Teatro

Leia mais sobre este assunto:

Previsão do Tempo